Visita ao Marrocos e ao seu simples e encantador modo de vida

Viajando por terras distantes, nos deparamos com realidades que, ao mesmo tempo, nos surpreendem e nos encantam. Voltando ao Marrocos, depois de cinco anos, tive a oportunidade de visitar algumas regiões mais afastadas dos grandes centros e me deparei com um modo de vida se não totalmente diverso da nossa grande metrópole, um tanto inusitado, que me fez reconhecer o quanto uma vida quase primitiva, desprovida de regalias, extravagâncias, entretenimento e diversidade, através da própria simplicidade e originalidade, pode proporcionar ao indivíduo relações mais humanas e verdadeiras.  

As pessoas possuem um valor especial e único, pois as relações são centradas apenas nelas, por elas e para elas. As regras de convivência e conduta são ditadas pelo Islamismo, que prega a tolerância, a generosidade e a solidariedade entre todos. A fé, a oração, a caridade, o jejum do Ramadan e a peregrinação a Meca são os cinco principais mandamentos que são simbolizados pela Mão de Fátima, muito difundida como objeto de decoração e ornamento para  mulheres. Enfim, tudo remete às pessoas e elas devem se responsabilizar por seus atos e palavras. Através de Hamid, nosso guia marroquino, vislumbramos esse outro mundo, que nos fez refletir sobre a beleza da vida, por meio de paisagens fantásticas e cenas extraordinárias de um quotidiano simples e profundo, ao mesmo tempo. Graças a Deus, uma ótima forma de iniciar 2017! Sou muito grata por esta oportunidade!