Selo de Excelência em Franchising é diferencial para investidores que buscam uma franquia?

Na próxima sexta-feira, dia 7 de abril, a Associação Brasileira de Franchising (ABF) concederá a parte das franqueadoras brasileiras o Selo de Excelência em Franchising. Trata-se de uma chancela que comprova, em linhas gerais, que a franqueadora que a ostenta preenche princípios técnicos e mantém conduta ética que não a desabona. Representa o reconhecimento da qualidade e excelência da empresa em relação a sua atuação como franqueadora e objetiva estimular a melhoria do nível de atuação das redes, por meio da valorização das melhores práticas.

 Inicialmente, cada franqueadora preenche formulários e entrega todos os documentos requeridos para a participação, entre eles a lista completa de franqueados; comprovantes da situação do franqueador no Serasa; e atestados de registro de patentes. A seguir, a ABF promove – por meio de instituto de pesquisa contratado – uma pesquisa de avaliação do franqueador por seus franqueados. Se a franquia tiver alguma representação contra seu sistema, alguma falha na documentação ou qualquer problema no Serasa, ela é logo eliminada.

A pesquisa é o quesito mais importante para a atribuição do Selo de Excelência. Nela, são avaliados o desempenho do franqueador – por meio de questionários enviados aos franqueados – sob diversos pontos de vista: relacionamento com os franqueados; assessoria inicial e exatidão dos investimentos orçados; treinamento; abastecimento; suporte e serviços prestados; e rentabilidade. A partir daí, o instituto de pesquisa emite relatórios com os índices de satisfação de cada franqueado, em cada uma das áreas de abordagem.

O Selo de Excelência vale por um ano e pode ser cancelado a qualquer momento, em caso de alguma irregularidade. A chancela mostra as redes de franquias que, por seu desempenho, encontram-se em situação que pode ser considerada boa para eventuais candidatos a franqueados. No entanto, vale o alerta: esse é apenas um quesito a ser considerado. Independentemente do Selo, é fundamental que o investidor, antes de abrir uma franquia, faça uma investigação sobre a marca, visitando unidades e consultando franqueados.