Mais dicas para quem deseja abrir uma franquia

american-3408110_1920.jpg

Seguimos compartilhando dicas importantes com quem deseja abrir uma franquia e vai aproveitar a ABF Franchising Expo, que acontecerá em junho, em São Paulo, para conhecer marcas em expansão.

A primeira delas é indicada para quem ainda não fez uma escolha. A palavra-chave é conversar. Neste caso, conversar com os franqueados da marca de interesse. Pode ser uma dica batida, mas é tão importante que não me canso de repetir: o franqueado de uma marca pode fornecer informações valiosas e concretas sobre a operação, os aspectos financeiros que a permeiam, o mercado e como é o relacionamento com a rede franqueadora.

A segunda é tão importante quanto a primeira: quando você se torna um franqueado, terá de trabalhar muito. Com a diferença que terá o apoio de quem já desbravou este mercado e sabe quais os caminhos que terão de ser percorridos para que tudo dê certo.

Mas, atenção: quem compra uma franquia não vai receber todas as soluções prontas. As redes indicam fornecedores, desenvolvem campanhas de marketing e ajudam no aspecto coletivo do empreendimento. Não é obrigação do franqueador cuidar da administração de pessoal, do fluxo de caixa e da contratação de funcionários da franquia, por exemplo. As redes orientam, mas o empresário é que tem de ir para o mercado, aprender, inovar e se preparar.

Ficou claro que a relação de franquia é a união de forças entre franqueador e franqueados em torno de um mesmo objetivo? Então, é isto que você deseja para a sua vida?